A Maior Lição do Mundo já chegou as escolas de São Tomé e Príncipe

Foi lançada na manhã ontem, a campanha “A maior lição do mundo”. Uma campanha que visa apresentar aos alunos da terceira a sétima classe os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), com realce para o quinto objetivo, que aborda a questão da Igualdade de Género. A Maior Lição do Mundo decorrerá durante uma semana em todas as escolas de São Tomé e Príncipe e de todo o mundo. O Ministério da Educação, Cultura e Ciência e a UNICEF juntaram esforços a fim de promover esta iniciativa e envolver o maior número de crianças em São Tomé e Príncipe.

O Ministro da Educação, Cultura e Ciência, Olinto Daio, frisou a necessidade de incutir nos mais pequenos esses conceitos: “A questão da igualdade de género tem que ser na prática quando nós começarmos a perceber que temos necessidade que haja essa igualdade de género... é perceber o porquê da necessidade, para que aceitemos a diferença, mas dentro dessa diferença, há diversidade e igualdade de oportunidades. E se nós conseguirmos trabalhar esse conceito, essas experiências com as crianças desde muito cedo, portanto, certamente num futuro próximo teremos uma sociedade mais justa mais fraterna.” E já dizia o ditado que “é de pequeno que se torce o pepino”!

Olinto Daio disse ainda que estas acções terão impactos diretos e indiretos sobre outras questões, como por exemplo, a violência doméstica, a discriminação social, o emprego, etc.

Os novos ODS, aprovados na Cimeira das Nações Unidas em Setembro de 2015, são uma agenda ambiciosa, que deverá ser implementada por todos os países nos próximos 15 anos.

Os ODS pretendem promover a ação global em cinco áreas cruciais para a humanidade e o planeta, nomeadamente, pessoas (erradicar a pobreza e fome), planeta (proteger os recursos naturais e o clima), prosperidade (assegurar vidas saudáveis em harmonia com a natureza), paz (promover sociedades pacíficas e inclusivas) e parcerias (revitalizar a parceria global para o desenvolvimento).

A concretização dos ODS dependerá não apenas do compromisso dos governos, mas também do envolvimento dos cidadãos, em qualquer parte do mundo. As crianças e os jovens são centrais neste apelo global de participação e a escola é essencial para dar a conhecer a nova agenda global, inspirar e incentivar as pessoas a participarem no desenvolvimento das comunidades.

Escrito por
Redação
Demografia
Demografia
Do total da população de São Tomé e Príncipe, com aproximadamente 187.356 habitantes (Censo 2012) [...] Foto:...
Venha Conhecer São Tomé e...
Venha Conhecer São Tomé e...
São Tomé e Príncipe é um destino ideal para conhecer uma África amável [...] Foto: Cruza Mundos São Tomé...
Ússua
Ússua
Nasceu no início do século XX, sendo uma dança praticada pelos "filhos da terra" de inspiração europeia:...
O País Lusófonia Política Economia Sociedade Desporto Educação Cultura Multimédia Saúde
Cultura Angola     Embaixadas Futebol        
Demografia Brasil   Turismo Serviços Basquetebol   Gastronomia    
Geografia Cabo Verde   As praias Emprego Ciclismo   Folcrore    
História Guiné Bissau   Ecoturismo Imobiliário Canoagem   Festas Locais    
Clima  Moçambique   A Capital Meteorologia  Clubes        
Fotos  Portugal      Tecnologia Taykwondo        
  Timor     Links Úteis Capoeira        
  S.Tomé e Príncipe       Xadrez        

© 2015 STP Digital Lda. Todos os direitos reservados. | Desenvolvimento por Albatroz Digital | Manutenção por STP Digital Lda | Termos e Política de Privacidade | Publicidade