×

Secções

Empresa

Idiomas

Turismo

República de Guiné Bissau

Designação Oficial: República de Guiné Bissau

Capital: Bissau

Outras cidades importantes: Bafatá, Gabú, Mansôa, Catió, Cantchungo, Farim

Data da actual Constituição: Aprovada em 16 de Maio de 1984, foi revista em Maio de 1991, Novembro de 1996 e Julho de 1999

Unidade monetária: Franco (CFA)

Lema: Unidade, Luta, Progresso

Língua: A língua oficial é o Português, utilizando-se localmente o Crioulo, Mandjaco, Mandinga, entre outros

Hino Nacional: Esta é a nossa Pátria bem Amada

Gentílico: Guineense

A Guiné-Bissau situa-se na Costa Ocidental de África e tem cerca de 80 ilhas que constituem o arquipélago dos Bijagós. Tem aproximadamente 1.345.000 habitantes, sendo 45% muçulmanos, principalmente falantes de Fula e Mandinka. O seu interior é formado por savanas, e a costa por planície pantanosa.

Tem um clima tropical, normalmente quente e húmido e o período de chuvas alterna-se com outro de seca, com ventos quentes vindos do deserto do Saara. Na agricultura tem a produtividade de arroz, farinha, feijão, tapioca, castanhas de caju, amendoim, sementes de palma, algodão, madeira e pescado.

Recursos económicos:

A Guiné-Bissau depende fortemente da agricultura e da pesca (cerca de 62% do PIB). O preço das castanhas de caju aumentou e hoje o país encontra-se em sexto lugar na produção mundial do produto. A Guiné-Bissau exporta peixe e mariscos juntamente com amendoim, semente de palma e produtos das actividades extractivas florestais. As licenças para a pesca são uma fonte de receitas do governo. O arroz é o cereal mais produzido e comida típica. O turismo é, também, uma aposta crescente do país.

Portal do Governo: www.republica-da-guine-bissau.org

Fonte: Portal Lusoafrica

Encontrou algum erro neste artigo? Sugerir correção