×

Secções

Empresa

Idiomas

Economia

PNUD apoia Governo no combate às moscas das frutas

Foto: PNUD

De 2 a 13 de abril, decorreu a formação “luta biológica contra moscas das frutas”, no Centro de Investigação Agronómica e Tecnológica (CIAT). A formação visa fortalecer as capacidades dos técnicos do CIAT, do Centro de Apoio ao Desenvolvimento Rural (CADR), da Região Autónoma do Príncipe, do PAPAC e das comunidades rurais, no domínio da luta biológica contra esta praga.

Participaram nesta formação teórica e prática 45 técnicos das instituições acima referidas e 20 agricultores das comunidades de Rio Lima e Canavial, que estão assim mais aptos para responderem a uma problemática presente no dia-a-dia de muitos fruticultores.

Foto: PNUD

Em algumas zonas do país a infestação atinge 100% das árvores de frutas como carambolas, mangueiras e anonas, prejudicando assim, a qualidade das frutas que chegam ao mercado nacional. Independentemente da zona do país, a observação levada a cabo pelos especialistas conclui que as referidas moscas são responsáveis pela maior parte das infestações dos frutos.

Um problema que até então os técnicos do Ministério de Agricultura e Desenvolvimento Rural não tinham conseguido dar a devida resposta, apesar da luta integrada desencadeada pelos técnicos do CIAT. Com esta formação os técnicos vão ser capazes de apoiar os fruticultores no combate a esta praga e contribuir para a melhoria da qualidade da produção de frutas.

Foto: PNUD

O CIAT vai publicar e divulgar um boletim com informação detalhada sobre a técnica a ser utilizada. Esta formação foi ministrada no âmbito do Projeto Adaptação às Mudanças Climáticas, financiado pelo GEF através do PNUD, que visa fortalecer a resiliência das comunidades rurais face aos efeitos das alterações climáticas.

Fonte: PNUD

Encontrou algum erro neste artigo? Sugerir correção

Comentários

Comentar