Política S. Tomé e Príncipe

São Tomé e Príncipe assume vice-presidência do Fórum da Juventude da CPLP

Calisto Nascimento
Presidente do CNJ

O Conselho Nacional da Juventude de São Tomé e Príncipe, através do seu Presidente, Calisto Nascimento, acaba de assumir a Vice-Presidência do Fórum da Juventude da CPLP, para um mandato de dois anos, o país esteve representado na assembleia eletiva acompanhado de Mário Lopes, anunciou o CNJ santomense.

A presidência do Fórum da Juventude da CPLP fica ao cargo de Aissatu Forbs, Presidente do Conselho Nacional da Juventude de Guiné Bissau. Fontes da organização avança que, é a primeira vez que uma mulher assume a liderança desta plataforma da Juventude da CPLP desde a sua fundação em 1997.

Contatada pela STP Digital, Aissatu Forbs Djalo, a nova presidente desta organização internacional afirmou  como destaque no seu Manifesto:

“ A promoção da advocacia em todos os aspetos e plataformas para afirmação da juventude da CPLP- o único caminho para o fortalecimento do seu papel”.

Reforça ainda no seu manifesto, que trabalhará afincadamente para que seu plano de ação

“Produza resultados e aponte pistas na perspetiva da solução dos problemas concretos para a organização da juventude lusófona.”

Calisto Nascimento, contactado pela redação, demonstrou-se feliz com a evolução da organização e todo o processo eleitoral.

“Existem vários motivos para celebrar: a evolução interna da organização, o simbolismo da eleição da minha homologa guineense como primeira mulher a liderar a organização, e a ascensão de São Tomé e Príncipe, que anteriormente ocupava vice-presidência da mesa da assembleia e agora a vice-presidência da direção.” sublinhou que “ o balanço é positivo”.

O Fórum da Juventude da CPLP é uma plataforma que reúne todos os representantes dos Conselhos Nacionais da Juventude ou representantes das pessoas jovens dos diferentes países da Comunidade. O Fórum é um observador consultivo da CPLP e a sua fundação precede a fundação da própria CPLP.

Sobre o Autor

Redação

Diário digital generalista, que prima pelo jornalismo exigente e de qualidade, orientado por critérios de rigor, isenção e criatividade editorial. Acreditamos que a existência de uma opinião pública informada, activa e interveniente é condição fundamental da democracia.

error: O conteúdo está protegido!!